Leo's Blog
this site the web

Fotografando

O pessoal sabe muito bem que adoro fotografar. Isso me tira completamente da rotina besta dessa cidade como por exemplo, ficar em casa num domingo à tarde. Não que eu queira, é que aqui realmente não tem nada pra se fazer! Más sempre consigo me divertir num domingo chato rs. Enfim, vamos aos cliques mais recentes que andei fazendo em passeios e em lugares diferentes:

Essa aqui foi em casa, umas 3:40 da manhã rs







Espero que tenham gostado.
Até mais! :)

Até logo meus grandes amigos...

Lembro-me perfeitamente à 5 anos atrás quando nos conhecemos na 7ª série da escola onde estudávamos. Eu sendo de outra sala (7ª A), sempre fugia nos intervalos de aula pra ir falar com eles na sala ao lado (7ª B). Era uma resenha! Conversávamos e nos divertíamos muito. Muito mesmo. O ano terminou e na 8ª série, nos aproximamos ainda mais, tornando um grupinho, aquele grupinho que gosta de conversar, que dá muitas risadas um com o outro e que principalmente, são uma equipe na hora dos trabalhos. A cada ano ficávamos mais unidos ainda, e isso era muito bom pois não existia briga e nem confusão entre esse Quinteto (como diz a professora de português Rosimere).
Em 2011, terminamos o 3º ano e cada um agora vai ficar um pouco mais "ausente'"um do outro. Más isso não vai impedir de lembrarmos das resenhas dentro da sala de aula e nem das conversas que sempre tínhamos antes, no meio e no final das aulas.

Eu (de francês na festa temática da escola), Daniela, Marcos Diego, Aline e Silvestre

 Silvestre, Daniela e Marcos Diego

 Eu e Aline

Iremos nos ver muito ainda, tenho certeza disso. Trocar telefonemas, mensagens ou uma conversa rápida quando nos encontrarmos. A amizade é muito grande para qualquer saudade boba querer nos deixar sem se ver por muito tempo e tenho certeza de que nossas aventuras não vão ser esquecidas pois foram os nossos 5 melhores anos juntos!

Conversas, rabiscos no caderno e uma aula chata de História.


Carnaval Macabro...

Aula de História onde estudo, a professora corrigindo as atividades e o pessoal na sala conversando e rindo com novidades, resenhas e besteiras. Abro meu caderno e começo a rabiscar algumas folhas, sem ideia nenhuma pra desenho, peço pra um amigo (Marcos Diego) fazer um desenho legal pra mim. Pegou meu caderno e começou a rabiscar, rabiscar e rabiscar. Depois de 2 aulas seguidas ele termina o desenho, fiquei besta com o resultado! Só não entendi essa "véia" sem pernas, barba mal feita, com uma calcinha enorme e pessoas se afogando dentro. Não entendi mesmo! enfim... Não quis colorir muito não, só grifei de preto pois alguns desenhos ficam mais legais sem cor mesmo. 

Amigos, risos e um simpático soldadinho.


Fazia um calor horrível aquela tarde. Eu acabava de chegar em casa com uns amigos para tomar muita água pois ninguém estava aguentando o calor enorme que fazia. Depois de alguns goles, a sede vai embora nos deixando um alívio enorme e então decidimos ficar na minha casa mesmo e descansar por alguns minutos antes de sair novamente para ir ao vídeo-game. Passado alguns minutos, eis que entra um soldadinho voando pela casa e pousa no braço do meu amigo, e ele já quis pegar o soldadinho e brincar com ele, más decidimos fazer outra coisa com o novo "intruso". Peguei minha câmera fotográfica e pedi pra que meu amigo me acompanhasse até o quintal de casa. Colocamos o soldadinho em um pedaço de madeira e comecei a fotografá-lo de muitos ângulos até achar o foco perfeito. Fiz 12 imagens, más a última foi a que mais me surpreendeu! Sem se movimentar, encontrei o foco perfeito pra fazer a fotografia do soldadinho em um ângulo bem legal. Apertei o botão e click! Fiz uma das fotos mais legais de todas as minhas outras fotografias. Depois de desligar a câmera, peguei o soldadinho e coloquei no braço, só foi eu virar o rosto pra ele dar um salto e voar pra ir embora. Acho que ele cansou de ser fotografado e resolveu ir procurar o seu verdadeiro lugar. Foi muito massa!

Peripécias pela cidade


É tão bom passar a tarde com vocês, rir, bagunçar, zuar o povo e conversar besteiras. Gosto tanto dessa companhia, das pessoas que nos sentimos bem, que sempre temos a segurança de poder confiar pra tudo, pra contar tudo, pra fazer tudo. Seus chatos, gosto de vocês que chega até a doer :)



 

About Me

19 ans, fotógrafo e apaixonado por fotografia, passionné de la langue française, games, Xbox 360, Geminiano, les amis (vrais amis), Ratatouille, internet, viajens, Rock Band, Guitar Hero, viciado em música, Coldplay, sincero, chato, bateria, conversas de madruga na rua, odeio forró, amo meu pais e sou grato a Deus por tudo que está acontecendo em minha vida. .